Nossas férias.

10:55

29 de janeiro de 2017. 
(Ouvindo Bon Iver) 



Janeiro já está indo embora e ainda não escrevi sobre as férias maravilhosas que tivemos. Já fazia algum tempo que o Lu havia me dito que conseguiria três semanas de folga entre o final e o início do ano, mas esta seria a primeira vez que o Miguel estaria na colônia de férias junto com o Beni. Sem fazer grandes planejamentos, sugeri a ele que nossas semanas fossem assim divididas: a primeira semana com as crianças, a segunda semana com os dois na colônia, possibilitando que tivéssemos algum tempo juntos e a terceira viajando com eles para praia. Tudo conspirou a nosso favor e foi exatamente isso que aconteceu. 

Conseguimos na primeira semana ajeitar algumas coisas em casa, levar as crianças no zoológico, brincar na piscina da casa da vovó, fazer piquenique no parque. Eu e o Lu conseguimos ir ao cinema, caminhar no lago de mãos dadas todos os dias, entrar com o processo de cidadania do Mimi, ir ao Eataly, ir ao café, curtir um day spa juntos, almoçar tranquilamente. Foi uma semana que deixou saudades... como sinto saudades do meu marido! ❤ Na última semana fomos para Maresias. O tempo nos dois primeiros dias colaborou, aproveitamos muito. A pousada que ficamos atendeu totalmente a todas as nossas expectativas e isso conta demais quando se tem crianças, ainda mais quando são pequenos como meus filhos. 

Pela primeira vez, vi Benício brincando de forma mais integrada com Miguel. Era um dia de chuva e eu e o Lu assistíamos a mais um episódio de The Crown enquanto eles ficavam pra lá e pra cá, rindo, correndo, engatinhando. Apesar de tudo continuar sendo cansativo, esses momentos trazem alegria imensa. Na praia eles dormiram a noite toda, inacreditavelmente. Tivemos certeza que grande parte do sono interrompido deles está no barulho e caos da madrugada perto de casa, com carros turbinados, motos barulhentas, sons ensurdecedores, latidos de cachorro e vozes humanas alteradas. 

Nosso retorno aconteceria na sexta-feira, mas como continuou chovendo, conseguimos um crédito para retornar até março e assim, voltamos mais cedo pra Atibaia. Na sexta, já que as crianças tinham ido para a escola, eu e o Lu ticamos a última das vontades para nossa semana especial juntos: conhecer o Capril do Bosque. Lá estávamos só eu e ele, aquele cheiro de mato gostoso, a taça de vinho que trouxe aquela leveza boa, a degustação da tábua de queijos, tudo maravilhoso. Foi o momento mais propício para escrever meus sonhos para 2017. Me recusei a escrever no bloco de notas do celular... estávamos muito isolados para a inserção de qualquer tecnologia. Preferi o guardanapo e a caneta. Estava com saudades de ver minha letra. 

E assim, curtindo até a última gota de nossos momentos juntos, continuei com aquela mesma sensação de que minha família é realmente incansável. Quero mais, mais, mais! 

Meu beijo, 
L. 



































You Might Also Like

0 comentários

Subscribe