Segunda carta a Miguel

02:10

Atibaia, 10 de dezembro de 2015. 

Ouvindo Estrela - Gilberto Gil 


Oi meu filho, como andam as coisas por aí? Aqui fora, tudo vai seguindo bem. 
Os exames vem nos mostrando que estamos com saúde e já atingimos 28 semanas, 7 meses. 
Logo, logo você estará pronto para vir ao mundo, chegar a nossa família para multiplicar o amor e nos ensinar ainda mais sobre a vida e alegrias.  

Toda noite deitamos juntos - eu, seu pai e Benício - para conversarmos contigo. Seu irmão tenta se comunicar pelo meu umbigo e acha estranho quando você "dá um pulo"; exatamente a mesma resposta que dá ao papai quando ele fala com você. 
Te sentir é parte emocionante do nosso dia, porque sabemos que tudo está certo, caminhando bem. E isso nos tranquiliza profundamente. 

No final de semana tivemos muitas coisas boas: nosso ensaio e seu chá de bebê, tudo preparado com todo carinho para iniciar ainda mais esta preparação de boas vindas. 

Fico imaginando você e Benício brigando e brincando, ele te ensinando coisas que já sabe, você o lembrando de coisas importantes e assim, se Deus permitir, uma grande amizade será criada e vocês serão cúmplices e parceiros de vida. Chega a emocionar pensar nisso! 

Semana passada seu berço chegou. Ontem eu e o papai começamos a colocar detalhes no quarto para sua chegada; é uma linda transformação! Às vezes tenho medo de não dar conta, mas sei que tudo que é plantado e semeado com amor floresce; ver nossa família florescer torna tudo encantador para mim - ainda mais. 

O que peço a Deus é que você venha na hora que se sentir mais seguro, que todos tenham paciência em esperar seu momento de nos fazer renascer e reconstruir uma história que já está ficando linda. 
Que tenha muita saúde (que tenhamos!) e que as coisas na maternidade sejam mais serenas que quando seu irmão nasceu. Que a maturidade esteja presente e que seja mais um dos tantos momentos mágicos desta vida que Deus me presenteou viver. 

Obrigada por estar a caminho, meu filho. 
Te esperamos com muito amor. 
Te amamos, Mig. Do umbigo. 
Mamãe, Papai, Beni, Luna e Paçoca. 






You Might Also Like

0 comentários

Subscribe